Artigos de apoio

Carlos Bleck

Piloto português, Carlos Eduardo Bleck nasceu a 23 de maio de 1903, no Dafundo, e faleceu em 1975. Aos 19 anos de idade faz o seu batismo de voo, no Grupo de Esquadrilhas de Aviação da República, com a duração de 15 minutos. A 21 de novembro de 1922 foi admitido na Escola Militar de Aviação com o intuito de obter o estatuto de aviador civil. Contudo, o desejo teve de ser adiado por razões de ordem particular relacionadas com o seu estado de saúde. Carlos Bleck foi forçado a abandonar o curso, poucos dias após ter sido admitido, mas regressou em 1925 para conseguir o primeiro diploma português de aviação civil, tirado numa escola militar.
Dois anos mais tarde fez a sua primeira viagem (Londres-Tancos-Lisboa) a pilotar um Moth/Cirrus de 90 cavalos. Em 1928 tentou voar até à Índia mas um problema no motor impediu-o de ir mais longe que o deserto da Arábia, a metade do percurso. Nesse mesmo ano tentou fazer a travessia do Atlântico Norte mas não obteve os apoios necessários. Fez nova tentativa em 1929 e voltou a não conseguir.
Os anos de 1930 e 1931 ficaram marcados como os anos em que Bleck fez a ligação aérea Lisboa-Angola-Lisboa, juntamente com o piloto Humberto da Cruz.
Em 1930 fez parte da direção do Aeroclube de Portugal que fundou a primeira escola de aviação portuguesa.
Sozinho fez o voo de Portugal a Goa, em 1934. Mais tarde tornou-se fundador da Companhia de Transportes Aéreos e integrou o Conselho Administrativo da TAP (Transportadora Aérea Portuguesa).

1

2

3

4

5