Artigos de apoio

funções de estado

Para fixar as propriedades físicas e químicas de um sistema é necessário antes de mais determinar o seu estado. O estado do sistema é definido quando algumas das suas propriedades, chamadas funções de estado, são conhecidas.
Em termodinâmica existem várias funções de estado, de entre as quais se podem citar: a pressão, a temperatura e o volume. O valor das funções de estado é independente do modo pelo qual o estado foi alcançado. Assim, pode-se estudar a variação de uma função de estado conhecendo somente os estados inicial e final do sistema.
Quando uma função de estado é modificada, pode-se considerar a variação como um todo, ou como o somatório de processos infinitesimais intermédios. Matematicamente, esta soma de processos infinitesimais denomina-se de integral.
Quando a variação da função não depende do caminho pelo qual o sistema atingiu o estado final, ela é designada de diferencial exata. A inter-relação entre as diferentes funções de estado permite, conhecendo algumas delas, calcular as outras através das chamadas equações de estado e das equações termodinâmicas. Por exemplo, conhecendo a temperatura e a pressão de uma mol de um gás ideal, o seu volume pode ser calculado a partir da equação de estado dos gases ideais.

1

2

3

4

5