Artigos de apoio

lei de Raoult

A lei de Raoult, como o próprio nome indica, foi estabelecida em 1887 pelo químico francês François-Marie Raoult.
A lei exprime de forma exata a variação da pressão parcial de vapor que um solvente experimenta quando nele se dissolve um produto não volátil, isto é, a pressão parcial do vapor de um solvente é diretamente proporcional à sua fração molar.
A lei de Raoult expressa-se matematicamente pela seguinte relação: p = p0 X, onde p é a pressão de vapor do solvente (com uma dada substância nele dissolvida), X a fração molar do solvente (razão entre o número de moles de solvente e o número total de moles) e p0 a pressão de vapor do solvente puro.
Uma solução que obedeça à lei de Raoult designa-se por solução ideal. Regra geral, a lei só é valida para soluções diluídas, embora algumas misturas de líquidos lhe obedecem para toda a gama de concentrações.
Os desvios à lei de Raoult, para misturas de líquidos, provoca a formação de misturas azeotrópicas.
Como referenciar: in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2014. [consult. 2014-12-19 03:14:10]. Disponível na Internet: