Artigos de apoio

lei do efeito

A lei do efeito é uma das três leis primárias que fazem parte da teoria de Thorndike, formulada no quadro da psicologia de aprendizagem. Consiste nas respostas numa determinada situação que são seguidas por um estado recompensador de eventos. Ao serem fortalecidas, vão-se tornar respostas habituais para aquela situação, enquanto que as respostas que sejam seguidas por um estado desagradável vão ter tendência a enfraquecer.
Edward Lee Thorndike estabelece, com a sua lei dos efeitos, as bases para o behaviorismo de Skinner.
A lei do efeito caracteriza-se na ideia que todo e qualquer ato que produz satisfação vai-se associar a essa situação. E assim sempre que essa situação se reproduz, a probabilidade de repetição do ato é maior do que anteriormente. A punição e o desprazer não se comparam em absoluto ao efeito positivo da recompensa a uma determinada resposta; o efeito de prazer é, portanto, o que fixa a resposta.
Thorndike formulou a lei do efeito, utilizando experiências de "resolução de problemas" com gatos. Esta lei teve um papel essencial nas teorias de aprendizagem e na ciência de comportamento em geral.
Assim, pode-se concluir que qualquer comportamento de um organismo vivo tende a repetir-se se existir recompensa assim que ele o emitir. Por outro lado, o comportamento tenderá a não acontecer, se o organismo for castigado após a sua ocorrência.


1

2

3

4

5