Artigos de apoio

Uma Família Inglesa


Uma Família Inglesa
Júlio Dinis

134875
Capítulo I - Espécie de prólogo, em que se faz uma apresentação ao leitor


134876
Capítulo II - Mais duas apresentações, e acaba o prólogo


134877
Capítulo III - Na Águia de Ouro


134878
Capítulo IV - Um anjo familiar


134879
Capítulo V - Uma manhã de Mr. Richard


134880
Capítulo VI - Ao despertar de Carlos


134881
Capítulo VII - Revista da noite


134882
Capítulo VIII - Na praça


134883
Capítulo IX - No escritório


134884
Capítulo X - Jenny


134885
Capítulo XI - Cecília


134886
Capítulo XII - Outro depoimento


134887
Capítulo XIII - Vida portuense


134888
Capítulo XIV - Iminências de crise


134889
Capítulo XV - Vida inglesa


134890
Capítulo XVI - No teatro


134891
Capítulo XVII - Contas de Carlos com a consciência


134892
Capítulo XVIII - Contas de Jenny com a consciência de Carlos


134893
Capítulo XIX - Agravam-se os sintomas


134894
Capítulo XX - Manuel Quintino procura distracções


134895
Capítulo XXI - O que vale uma resolução


134896
Capítulo XXII - Educação comercial


134897
Capítulo XXIII - Diplomacia do coração


134898
Capítulo XXIV - Em que a senhora Antónia procura encher-se de razão


134899
Capítulo XXV - Tempestade doméstica


134900
Capítulo XXVI - Ineficaz mediação de Jenny


134901
Capítulo XXVII - O motivo mais forte


134902
Capítulo XXVIII - Forma-se a tempestade em outro ponto


134903
Capítulo XXIX - Os amigos de Carlos


134904
Capítulo XXX - Peso que pode ter uma leviandade


134905
Capítulo XXXI - O que se passava em casa de Manuel Quintino


134906
Capítulo XXXII - Os convivas de Mr. Richard


134907
Capítulo XXXIII - Em honra de Jenny


134908
Capítulo XXXIV - Manuel Quintino alucinado


134909
Capítulo XXXV - A sentença do pai


134910
Capítulo XXXVI - A defesa da irmã


134911
Capítulo XXXVII - Como se educa a opinião pública


134912
Capítulo XXXVIII - Justificação de Carlos


134913
Capítulo XXXIX - Coroa-se a obra


134993
Conclusão




1

2

3

4

5