À Procura de Nemo

Produzido em 2003 pela Pixar/Disney e realizado por Andrew Stanton e Lee Unkrich, Finding Nemo tornou-se na longa-metragem de animação comercialmente mais bem-sucedida da história do cinema.
A história narra as peripécias que Marlin, um peixe-palhaço, atravessa na sua viagem para tentar resgatar o filho aprisionado num aquário. Após o terrível ataque do início do filme, Marlin (voz de Albert Brooks) fica viúvo e com um único filho, Nemo (voz de Alexander Gould). No primeiro dia de escola, Nemo, que é superprotegido pelo pai, desafia a sorte e é apanhado por um mergulhador que o leva para um aquário de um dentista de Sydney com vista para a baía. Em pânico, Marlin tudo faz para conseguir uma pista que lhe permita chegar ao paradeiro do filho. Assim que o consegue, enceta uma longa viagem até Sydney, enquanto Nemo e os seus colegas de aquário engendram planos de fuga. Na sua odisseia, Marlin conhece Dory (fabulosa interpretação vocal de Ellen DeGeneres), um peixe que sofre de amnésia aguda e que vai ser o responsável por alguns dos mais hilariantes momentos do filme. Marlin e Dory atravessam o oceano e fortalecem a sua amizade, enfrentando juntos perigos como um tubarão que, afinal, faz terapia de grupo tipo Alcoólicos Anónimos para não voltar a comer peixes. São ajudados no seu objetivo por tartarugas radicais que surfam a corrente oceânica ou pela gaivota Nigel (voz de Geoffrey Rush), entre outros.
O excelente argumento (de Andrew Stanton, Bob Peterson e David Reynolds) conjuga o lado mais aventureiro e superficial de uma odisseia oceânica cheia de ação e humor com uma dimensão mais íntima e profunda que reflete sobre as vulnerabilidades das relações parentais e das relações de amizade.
Tecnicamente, a animação gerada por computador é prodigiosa, reproduzindo as tonalidades e as texturas dos fundos oceânicos na perfeição, o que constituía um enorme desafio, assim como as expressões dos peixes, que apenas facialmente traduzem uma diversa e insuspeita gama de emoções.
Entre muitos outros prémios, À Procura de Nemo ganhou o Óscar para o Melhor Filme de Animação, tendo obtido ainda mais três nomeações: Melhor Banda Sonora Original, Melhor Argumento Original e Melhores Efeitos Sonoros.
Como referenciar: Porto Editora – À Procura de Nemo na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-10-17 05:23:24]. Disponível em