A Voz do Profeta

Obra poética em molde de manifesto, influenciada pelas Paroles d'un Croyant de Lamennais, publicada anonimamente e escrita com propósitos panfletários contra a revolução setembrista chefiada por Passos Manuel. Como se depreende do título, o sujeito poético assume-se como Voz da Humanidade, dirigindo-se à Pátria na qualidade de defensor da Justiça e da Moral. Do ponto de vista formal, A Voz do Profeta constitui um dos raros exemplos de utilização do verso branco ou de prosa bíblica do Romantismo português.
Como referenciar: Porto Editora – A Voz do Profeta na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-06-16 17:53:04]. Disponível em