A. S. Byatt

Escritora inglesa, Antonia Susan Drabble Byatt nasceu a 24 de agosto de 1936, em Sheffield. Filha de um magistrado, é irmã de Margaret Drabble, também autora de sucesso.
Estudou em York e, após a conclusão dos seus estudos secundários, ingressou no Newnham College de Cambridge, de onde se veio a diplomar em 1957. Fez depois estudos de pós-graduação no Bryn Mawr College, nos Estados Unidos da América e, de regresso a Inglaterra, na Universidade de Oxford. Casou-se em 1959 com um economista de nome Ian Charles Rayner Byatt e, pelo ano seguinte, passou a ocupar um cargo docente em Londres. Em 1964 publicou o seu primeiro livro, The Shadow of the Sun, que passou despercebido aos olhos da crítica, tal como The Game (1967) e os seguintes.
Em 1972 tornou-se membro efetivo do Departamento de Inglês na University College de Londres. Em 1983, ano em que passou a fazer parte da Real Sociedade da Literatura britânica, decidiu abandonar a carreira académica para se dedicar por inteiro à escrita.
A autora só conseguiu despertar as atenções da crítica e do público em geral com a publicação de Possession: A Romance (1990). O romance, vencedor do reputado Prémio Booker, conta a história de dois estudiosos que acabam por se apaixonar no decorrer das pesquisas sobre a vida de dois poetas da época vitoriana. As obras seguintes tiveram uma calorosa receção por parte dos leitores, confirmando o talento criativo da autora, sobretudo na invenção plausível de documentos do século XIX. Angels and Insects (1992), Babel Tower (1996), Elementals: Stories of Fire and Ice (1999) e The Biographer's Tale (2001) são alguns exemplos em que Byatt aviva o mundo académico e o coloca na vida moderna.
Como referenciar: A. S. Byatt in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-11-18 08:51:18]. Disponível na Internet: