absurdo

Termo que deriva de uma literatura do absurdo, reconhecida a partir da obra de Albert Camus ou de Kafka, onde se descreve a natureza absurda da existência humana (absurdismo).
No teatro, autores como Beckett ou Ionesco apresentam, nos anos 50, peças centradas sobre uma humanidade desprovida de sentido e de um universo sem significado ou valor, onde o absurdo inclui ainda o questionamento das possibilidades lógica e racional da linguagem.
Como referenciar: absurdo in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-07-07 10:41:22]. Disponível na Internet: