Academia Real da Marinha

A Academia Real da Marinha foi fundada em Lisboa por decreto de 5 de agosto de 1779, por sugestão do Conde de São Vicente, que foi o seu presidente.
Tinha como funções dar aos oficiais da marinha de guerra e da marinha mercante os conhecimentos julgados de interesse na ciência náutica e fortificação para a sua formação. Para isto, era ministrado um curso de Matemática com a duração de três anos, dado por três professores. Ao primeiro professor estava incumbida a Aritmética, Geometria e Trigonometria Plana; ao segundo a Álgebra aplicada à Geometria, os Cálculos Diferencial e Integral e os princípios da Física (Estática, Dinâmica, Hidrostática, Hidráulica e Ótica) e ao terceiro estava confiada a Trigonometria Esférica e a Navegação Teorética e Prática.
Os dois primeiros anos eram de preparação para o curso de engenharia militar dado na Aula de Desenho e Fortificação. Os professores eram equiparados aos da Universidade de Coimbra, sendo o ensino feito no edifício do Colégio dos Nobres. A admissão a esta academia era feita por um exame para os alunos com idade inferior a 14 anos, sendo obrigados a comparecer às aulas e ter bons resultados nos exames.
Por decreto de 14 de dezembro de 1782 foi restabelecida a classe dos guardas-marinhas para o serviço da costa, sendo estes, mais tarde, instruídos no sentido de seguirem a instrução na Academia Real da Marinha, cujo diretor do curso era o Marquês de Angeja.
A 1 de abril de 1796 foi criada a Academia Real dos Guardas-Marinhas, que funcionava no arsenal da Marinha. As aulas eram idênticas às da Academia Real da Marinha.
Os alunos que acabavam os seus cursos na Academia Real da Marinha ingressavam na Armada como voluntários, passando a oficiais depois de um tempo de prática.
A Academia Real dos Guardas-Marinhas foi transferida para o Brasil (Rio de Janeiro), em 1807, devido às Invasões Francesas, ficando o ensino naval em Lisboa reservado à Academia Real da Marinha.
A 11 de janeiro de 1837, a Academia Real da Marinha foi extinta, sendo criada a Escola Politécnica, mais tarde transformada na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa. Em 1845 foi criada a Escola Naval, nova instituição formadora da Marinha.
A 20 de maio, comemora-se o Dia da Marinha.
Como referenciar: Academia Real da Marinha in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2018. [consult. 2018-12-10 07:10:26]. Disponível na Internet: