acetil-coenzima A

A acetil-coenzima A (acetil-CoA) é uma fonte de energia, desempenhando um importante papel na síntese e oxidação dos ácidos gordos. A sua formação constitui uma das etapas da respiração aeróbia e ocorre na matriz mitocondrial. Esta fase pode ser representada da seguinte forma:
2 Ácido pirúvico + 2 NAD+ + 2 CoA → 2 Acetil-CoA + 2 CO2 + 2 NADH + 2H+ A actil-CoA forma-se a partir do ácido pirúvico produzido na glicólise. O ácido pirúvico passa por uma descarboxilação, com libertação de CO2 (dióxido de carbono), e por uma oxidação, com libertação de hidrogénio, formando a acetil-CoA por associação à CoA (coenzima A). O hidrogénio produzido é utilizado para reduzir uma molécula de NAD+ (dinucleótido de nicotinamida e adenina), formando-se NADH e H+ (ião hidrogénio).
Por cada molécula de glicose, que dá origem a duas moléculas de ácido pirúvico, produzem-se duas moléculas de acetil-CoA, duas moléculas de CO2, duas moléculas de NADH e duas moléculas de H+.
A acetil-CoA intervém na etapa seguinte da respiração aeróbia, designada por ciclo de Krebs.
Como referenciar: acetil-coenzima A in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-08-21 05:46:59]. Disponível na Internet: