Aeroporto de Munique

O Aeroporto Internacional de Munique, oficialmente intitulado Aeroporto Internacional Franz Josef Strauss em homenagem a um político alemão, fica situado a cerca de 28 quilómetros a nordeste de Munique, a terceira maior cidade da Alemanha.
O aeroporto, que tem duas pistas principais, ambas com 4000 metros cada, ocupa territórios de quatro municípios: Freising, Oberding, Hallbergmoos e Marzling.
É o segundo maior aeroporto da Alemanha, a seguir ao de Frankfurt, sendo também um dos mais movimentados da Europa. O grande movimento de aviões em Munique deve-se ao facto de o aeroporto de Frankfurt estar saturado, obrigando à procura de alternativas. Assim, em Munique funciona um dos principais centros de operações da companhia aérea nacional alemã Lufthansa e já começou a ser planeada uma terceira pista para poder acompanhar o crescimento da procura. O Aeroporto Internacional Franz Josef Strauss começou a ser construído em 1980 e obrigou à demolição de uma localidade chamada Franzheim, assim como ao realojamento dos seus 500 habitantes.
A estrutura foi inaugurada a 17 de maio de 1992 para substituir o também aeroporto internacional de Munique-Riem. Franz Josef Straus, que lhe deu o nome, foi o primeiro-ministro do estado federal alemão da Baviera que planeou este aeroporto ainda na década de 70. O próprio Strauss chegou a ser piloto profissional de aviões antes de se dedicar à política.
Em junho de 2003 foi inaugurado um segundo terminal destinado a acolher, exclusivamente, as companhias áreas que integram a associação internacional Star Alliance. Entre estas está a portuguesa TAP. O Terminal 2, utilizado por 26 companhias aéreas, está preparado para receber entre 20 a 25 milhões de passageiros por ano.
O Terminal 1, que é utilizado por 68 companhias não pertencentes à Star Alliance, é capaz de acolher 20 milhões de passageiros por ano.
O aeroporto tem ainda uma parte central, destinada a comércio, negócios e recreação, que liga os dois terminais.
Como referenciar: Aeroporto de Munique in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-07-21 17:56:06]. Disponível na Internet: