agnosticismo

Do grego agnostos, "desconhecido". Designa-se por este termo, em filosofia, toda a doutrina que considera impossível o conhecimento da realidade que se supõe existir para lá da experiência sensível, por exemplo, relativamente à existência de Deus.
É possível encontrar posições agnósticas ao longo de toda a história da Filosofia, desde logo, com os sofistas e depois com os empiristas. Contudo, o primeiro autor a usar o termo "agnosticismo" parece ter sido Thomas Huxley, em 1869.
O agnosticismo pode referir-se ao domínio religioso, como já vimos (agnosticismo religioso ou teológico, identificando-se também com o ateísmo), ao domínio filosófico (agnosticismo filosófico) ou ao domínio científico (agnosticismo científico), sempre que com isso se queira exprimir a impossibilidade de conhecimento de qualquer objeto que transcenda as provas mais evidentes e diretas.
Como referenciar: agnosticismo in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-06-03 19:57:03]. Disponível na Internet: