Aimee Mann

Cantora norte-americana nascida a 9 de agosto de 1960, em Boston. Frequentou a Berklee School of Music, em Boston, até ao final dos anos 80, altura em que deixou de estudar para se dedicar à música a tempo inteiro. Juntou-se aos Young Snakes, uma banda punk local, e colaborou também durante um breve espaço de tempo com os Ministry.
Aimee Mann formou os 'Til Tuesday, em 1983, juntamente com Robert Holmes (guitarra), Michael Husman (bateria), músico que a cantora conheceu em Berklee e com quem viveu durante alguns anos, e Joe Pesce (teclas). Foi através da participação num concurso de bandas amadoras patrocinado por uma rádio de Boston que os 'Til Tuesday conseguiram a assinatura de um contrato discográfico com a Epic Records. O álbum de estreia da banda, intitulado Voices Carry, conquistou o ouro num espaço de sete meses.
O ano de 1993 foi marcado pela estreia da cantora a solo. O seu primeiro álbum, Whatever, foi editado para a Imago Records, e valeu à cantora a aclamação da crítica. Após o lançamento do álbum, a cantora enfrentou um intrincado processo judicial com a Imago Records. A editora incorreu num processo de falência e tentou impedir a autora de gravar com uma outra empresa. Ainda assim, I'm With Stupid, o sucessor de Whatever, chegou às lojas dois anos mais tarde, já pela mão da Geffen, e com a produção de Jon Brion.
De entre as várias colaborações de Aimee Mann em bandas sonoras, onde se contam filmes como Jerry Maguire, Sliding Doors, Cruel Intentions e a série de televisão Melrose Place, o destaque vai definitivamente para Magnolia. A cargo da cantora ficaram 10 de um total de 13 canções que compõem a banda sonora do filme de Paul Thomas Anderson. O tema "Save Me" foi nomeado para um óscar da Academia de Hollywood.
Alguns dos temas presentes na banda sonora de Magnolia foram posteriormente incluídos no sucessor de I'm With Stupid, intitulado Bachelor No 2 e editado em 2000, cuja produção da maioria dos temas ficou a cargo de Aimee Mann.
A carreira da cantora prosseguiu com a edição de Lost in Space em 2002. O registo é intimista e a própria autora define-o como um veículo de transmissão de uma vida que corre nas canções. Este disco, editado pela SuperEgo Records - a editora que Mann fundou com o manager Michael Hausman (antigo membro dos 'Til Tuesday) - regista um sucesso relativo, especialmente junto dos públicos mais alternativos, a quem afinal se destina a música de Aimee Mann.
Como referenciar: Porto Editora – Aimee Mann na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-11-28 14:44:59]. Disponível em