Alcino J. Silva

Cientista português, nascido em 1961, estudou Genética Molecular na Universidade Rutgers, em New Jersey. Trabalhou na Universidade do Utah com colegas ligados à investigação da Genética Humana. Fez um pós-doutoramento no Massachusetts Institute of Technology (MIT), orientado pelo biólogo mulecular e imunologista japonês Susumu Tonegawa, Prémio Nobel da Fisiologia e da Medicina de 1989. De seguida, mudou-se para Nova Iorque, para o Cold Spring Harbour Laboratory, onde montou, em 1992, o seu próprio laboratório, pioneiro na investigação da Cognição Molecular e Cerebral (Molecular and Cellular Cognition), que se foi espalhando, nos anos seguintes, pelo resto do mundo, tendo sido abertos mais de 100 laboratórios e criada uma sociedade internacional com o mesmo nome.
Em 1998, mudou o seu laboratório para a Universidade da Califórnia, em Los Angeles, onde iniciou um novo campo de estudo – cortical memory storage (trad. livre: armazenamento de memória no córtex cerebral). Oito anos depois, resolveu mudar o laboratório para o National Institute of Mental Health (NIMH), em Bethesda, Maryland, onde acabaria por aceitar o convite para diretor do Intramural Research Program daquele instituto.
Como referenciar: Alcino J. Silva in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-01-21 00:01:21]. Disponível na Internet: