amálgama (linguística)

A amálgama designa um dos processos morfológicos de formação de novas palavras (neologismos), isto é, um dos tipos de neologia.
Consiste numa unidade lexical (palavra) resultante de um processo morfológico que se baseia na fusão de duas ou mais palavras. Nesta fusão permanece o início da primeira unidade lexical e o fim da segunda. Por exemplo, a amálgama telefonia consiste na fusão das palavras telefone e radiofonia, permanecendo o início da primeira (telefone) e o fim da segunda (radiofonia).

telefonia = telefone + radiofonia

Não se deve confundir a amálgama com a parassíntese que se baseia num processo de derivação que consiste na junção simultânea de um prefixo e de um sufixo a uma forma de base (Ex.: envelhecer).
Como referenciar: amálgama (linguística) in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-01-21 00:35:37]. Disponível na Internet: