anaconda

Animal do filo dos cordados, da classe dos répteis, da ordem dos escamosos e da família dos Boídeos constituída por cerca de setenta espécies.
A anaconda-gigante ou anaconda-verde (Eunectes murinus) é uma cobra aquática que vive sempre nos bordos dos ribeiros e lagos de florestas densas. Desliza voluntariamente sobre os ramos que encobrem a água e alimenta-se de espécies aquáticas como peixes, tartarugas, caimões, aves e roedores. Os grandes exemplares de anacondas afrontam jaguares e outros grandes animais como capivaras, pacas, cervídeos e grandes caimões. Esta serpente pode alcançar um comprimento e um volume corporal superior ao de qualquer ser vivo. A cabeça é relativamente grande, com olhos pequenos e pupila vertical e fossas nasais que se abrem na parte superior do focinho. O corpo é cilíndrico e está revestido por pequenas escamas brilhantes. A cauda é relativamente curta. A coloração das partes superiores é cinzento-esverdeada. O seu comprimento pode atingir os dez metros. A anaconda apresenta no dorso sessenta e três séries de escamas dorsais. É um animal constritor que, desse modo, pode matar presas de bom tamanho. As anacondas são ovovivíparas e dão ao mundo entre quarenta e oitenta juvenis com cerca de um metro de comprimento.
As anacondas distribuem-se pela Colômbia, Venezuela, Guiana, Brasil, Bolívia, Paraguai, Uruguai e parte norte da Argentina.
Como referenciar: Porto Editora – anaconda na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-10-18 10:07:59]. Disponível em