Ancara


Aspetos Geográficos
Cidade e capital da Turquia, Ancara é a segunda maior cidade do país, a seguir a Istambul. Situa-se no planalto da Anatólia Central. Foi conhecida inicialmente por Angora, sendo também a capital da província com o mesmo nome. Possui uma população de cerca de 3 750 000 habitantes (2006).

História e Monumentos O local onde está implantada a cidade foi inicialmente tomado pelos Hatti na Idade do Bronze e, mais tarde, pelos Hititas, que o chamavam de Ankuwash. Seria ainda mais tarde tomado por outros povos, como os Persas. Pela sua boa localização, cresceu e desenvolveu-se como um destacado centro de trocas comerciais. Em 189 a. C., a cidade foi tomada pelo Império Romano e tornada capital da província romana de Galatia, assim como entrada de leste para Roma. Mais tarde, manteve-se no Império Bizantino até ao século XI, e em 1071 caiu nas mãos dos Turcos, após o que os Bizantinos a recapturaram até ao século XII. Em 1356, o Império Otomano tomou a cidade. Após a Guerra da Independência, a Turquia foi decretada república, em 1923, e Ancara foi escolhida para capital por Kemal Ataturk. Como principais monumentos possui o Templo de Augusto (datado de 20 a. C.), a Coluna Monumental de Juliano (361 d. C.), e a Mesquita Haci Bayram, entre outros. A cidade revela também uma fusão interessante de arquitetura antiga e moderna. Tem vários museus: o Museu Etnográfico, o Museu das Civilizações da Anatólia, o Museu Industrial, o Museu de Arte e Escultura, e o Museu da Guerra da Independência, entre outros.

Aspetos Turísticos e Curiosidades
Ancara tem como oferta turística diversos pontos de interesse arqueológico: desde a cidadela ao Teatro Romano, passando pelos Banhos Romanos. Tem vários jardins e parques extensos e bastante bem tratados, como o Jardim Botânico e o Parque Gençlik. Podem-se ainda visitar outros sítios de relevo como a Quinta Ataturk e o Jardim Zoológico. Após se ter tornado capital, a cidade dividiu-se em duas secções: uma antiga chamada Ulus e a moderna Yenis. Os edifícios antigos refletem a história dos impérios Romano, Bizantino e Otomano, com ruas estreitas. A parte moderna possui avenidas com hotéis, teatros e centros comerciais.


Economia
A cidade é o centro administrativo do país e também um importante centro industrial, comercial e cultural. Como centro do governo turco, é também a sede de todas as embaixadas estrangeiras. Está estrategicamente localizada no centro da principal autoestrada da Turquia e também do caminho de ferro. Funciona ainda como centro de escoamento mercantil para a agricultura da área circundante. É famosa pela sua preciosa lã (angorá), mel e uvas moscatéis.
Como referenciar: Ancara in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-10-21 14:33:41]. Disponível na Internet: