aster

Designação vulgar de plantas herbáceas da família das Asteráceas e do género Aster.
As espécies do género Aster são plantas glabras, geralmente vivazes, com caule folhoso e folhas alternas ou localizadas próximo da base, inteiras. Caracterizam-se por terem flores liguladas, com as lígulas dispostas numa fiada e mais compridas que o invólucro. Possuem papilhos com pelos compridos e ásperos, dispostos em duas ou mais fiadas.
O fruto é uma cipsela oblonga, geralmente achatada.
A Aster squamatus, conhecida por estrela-comum ou mata-jornaleiro, é uma planta anual ou bienal, com caule ereto ou ascendente, cuja altura varia entre os 30 e os 100 centímetros de altura. As folhas são geralmente lineares ou linear-lanceoladas. As flores dispõem-se em capítulos reunidos em grandes panículas. O invólucro inclui brácteas tri-seriadas, oblongas a oblanceoladas. As lígulas são azul-violáceas e subigualam o papilho. A floração desta espécies é estival, ocorrendo entre maio e setembro.
A Aster squamatus é ruderal, encontrando-se ainda em locais salgados. É originária da América Central e do Sul, e naturalizada na Europa.
Outros exemplos de espécies do género Aster são a A. lanceolatus (mata-jornaleiro), a A. novi-belgii (rainha-margarida) e a A. tripolium (malmequer-das-praias).
Como referenciar: Porto Editora – aster na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-10-21 13:30:24]. Disponível em