atlante

Denominam-se de atlantes as figuras esculpidas com forma masculina que suportam de pé ou em posição semi-ajoelhada os lintéis, cornijas ou outros elementos dos tetos de templos e edifícios de tipologias diversas, sendo que se estes suportes possuírem forma feminina se chamam de "cariátides". O nome de atlante provém da analogia com a função atribuída por Zeus à divindade Atlas, a de sustentar a abóbada celeste com o seu corpo, como castigo pela sua revolta e dos seus irmãos Prometeu, Menécio e Epimeteu contra o que viria a ser o deus supremo do panteão grego. Este género de colunas antropomórficas encontra-se sobretudo nos templos da Antiguidade Clássica grega e romana, apesar de terem sido constantemente utilizadas e reformuladas ao longo da História. O termo arquitetónico empregue em Roma para designar estes sustentáculos esculpidos era "telamão".
Como referenciar: atlante in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-11-25 22:18:54]. Disponível na Internet: