Bento III

Papa italiano, era cardeal presbítero da igreja de São Calisto e foi o candidato apresentado contra Anastácio, o bibliotecário papal, candidato do partido do imperador. No intervalo entre a eleição e a confirmação do imperador, Bento foi preso e os partidários de Anastácio apoderaram-se de Latrão. Entretanto o imperador dissuadiu Anastácio das suas intenções e Bento tornou-se papa. O seu papado ocorreu de 29 de setembro de 855 a 17 de abril de 858.
Aconselhado por Nicolau, que o sucederia, entre outras coisas instou com os nobres para que o matrimónio fosse respeitado e tentou eximir os mosteiros da Lorena do poder abusivo que sobre eles exercia o irmão de imperatriz Teutberga, Huberto, ameaçando-o de excomunhão.
Como referenciar: Bento III in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-04-24 19:38:07]. Disponível na Internet: