bóhrio

O bóhrio, cujo símbolo químico é Bh, é um elemento químico sólido a 25 ºC, metálico, pertencente à classe dos metais de transição, preparado por síntese, de cor branco-prateada ou acinzentada, que se localiza no grupo 7 e período 7 da Tabela Periódica.
Este elemento possui número atómico 107 e massa atómica 264.
Em 1976, cientistas russos da Universidade de Dubna da ex-URSS comunicam a produção de um isótopo de bóhrio. No entanto, a sua descoberta só foi confirmada pelos cientistas alemães Peter Armbruster e Gottfried Munzenber e seus colaboradores em 1981, na Alemanha, no GSI (Gesellschaft Schwerionenforschung Institut). Estes cientistas começaram por sugerir o nome de nielsbohrium para este elemento, de símbolo Ns, em homenagem ao físico dinamarquês Niels Bohr (1885-1962). A IUPAC (International Union of Pure and Applied Chemistry) ficou satisfeita por existir um elemento com o nome do físico, mas sugeriu o nome de bóhrio (Bh). Este elemento teve a designação provisória de unnilséptio (Unq) derivado dos termos grego e latino para 1-0-7, isto é, un-nil-septium.
O bóhrio não se encontra presente na Natureza. Se este se encontrasse presente constituiria um risco devido à sua radiação perigosa. Nunca foi observada a formação de grandes quantidades de bóhrio uma vez que este decai muito rapidamente devido à emissão de partículas alfa. As primeiras amostras foram obtidas a partir de reações nucleares envolvendo a fusão de um isótopo de chumbo, o chumbo-209, com crómio 54. Mais recentemente, outros isótopos foram produzidos no Instituto Paul Scherrer (PSI) na Suíça. Nesse trabalho, os cientistas encontram-se interessados em perceber se o bóhrio forma o óxido clorato (BhClO3).
Este elemento não apresenta aplicações práticas e desconhecem-se as suas reações com o ar, a água, os halogéneos, os ácidos e as bases.
Como referenciar: bóhrio in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-11-28 08:14:36]. Disponível na Internet: