brássica

Designação comum de plantas do género Brassica, da família das Crucíferas.
As espécies do género Brassica são plantas herbáceas anuais, bienais ou subarbustos, glabros ou com pelos simples.
As folhas são alternas, inteiras a penatissetas. As flores, dispostas em inflorescências do tipo cacho, são actinomorfas, com sépalas eretas a patentes, coniventes, e pétalas amarelas ou brancas, unguiculadas.
O fruto é uma silíqua de valvas convexas com uma nervura média proeminente, polispérmica.
A espécie Brassica oleracea, conhecida vulgarmente em Portugal como couve, e a espécie Brassica rapa, vulgarmente conhecida como nabo ou nabiça, são semeadas em abundância em Portugal. A colza de introdução recente nos nossos campos é a Brassica napus. A Brassica nigra, normalmente conhecida por mostarda-negra, mostarda-ordinária ou mostarda-preta, antigamente cultivada pelas sementes para o fabrico de mostarda e um óleo medicinal, tornou-se espontânea nos solos aluviais das linhas de água e dos rios do Noroeste e Centro Litoral do país. Em Portugal, é espontânea a espécie Brassica barrelieri, vulgarmente conhecida por labresto-de-flor-amarela.
As espécies do género Brassica têm o seu habitat na região mediterrânica, Europa e Ásia.
Algumas plantas de várias espécies de brássicas são cultivadas.
Como referenciar: brássica in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-10-01 17:15:25]. Disponível na Internet: