cadeias de Markov

Modelo da representação estatística e probabilística da informação veiculada pela língua natural. Os morfemas da língua aparecem seguindo os modelos de distribuição próprios de cada língua. De acordo com esta teoria, se numa sequência informativa os signos não representam nenhuma interdependência, a ordem é igual a 0 ou carece de memória. Se a probabilidade de aparição de um sinal depende de um só sinal precedente, a memória da ordem equivale a 1. A concatenação de signos representa uma ordem que pode ser visualizada e quantificada através do modelo de Markov.
Como referenciar: cadeias de Markov in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-07-21 17:50:08]. Disponível na Internet: