Catarina da Rússia

Imperatriz da Rússia de 1762 a 1796, Catarina II (1729-1796) subiu ao trono depois de o seu marido ter sido assassinado. Conduziu o país a uma grande participação na vida política e cultural europeia. Cultivou uma reputação de soberana esclarecida, correspondendo-se com Voltaire e convidando Diderot para a sua corte. Reorganizou a administração, a economia e o direito, na sequência da política encetada por Pedro, o Grande, e anexou a Crimeia e grande parte do território polaco. No final do seu reinado, a Rússia assumira o estatuto de uma grande potência europeia.
Como referenciar: Catarina da Rússia in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-06-26 19:16:22]. Disponível na Internet: