CCD (dispositivo de acoplamento de carga)

Tecnologia, denominada "charge-coupled device", inventada por George Smith e Willard Boyle, em 1969, e que consiste na utilização de um chip sensível à luz (CCD ou CMOS) para capturar uma imagem. A luz incide no CCD e, à saída, a comunicação dos dados é feita através de uma voltagem proporcional à intensidade da luz que entrou.
Cada célula no sensor do CCD produz um pixel da imagem - pode-se assim imaginar facilmente a quantidade de células existentes num CCD e quão reduzidas são. A resolução e o detalhe de uma imagem dependem do número de células existentes no CCD e do tamanho deste. Quanto maior o CCD, melhor será o detalhe final, mesmo que possua um menor número de células. A maioria dos CCD são fisicamente mais pequenos do que a área de um negativo de 35 mm.
Originalmente desenvolvido para aplicações em vídeo, começou a ser utilizado na fotografia depois de se registar uma grande evolução na resolução e no apuramento da cor. E evoluiu de tal forma que se encontra muito facilmente câmaras digitais com CCD de vários megapixel.

Como referenciar: CCD (dispositivo de acoplamento de carga) in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-07-22 00:36:59]. Disponível na Internet: