Artigos de apoio

ciclo de erosão normal
Designação estabelecida pelo geólogo americano W. M. Davis para a evolução teórica do relevo que se inicia por uma erosão que acaba por criar condições idênticas às do ponto de partida. Assim, numa região de relevo acentuado, os rios que nela têm a sua bacia hidrográfica provocam a sua erosão, acabando o relevo por se atenuar e tornar insignificante se o trabalho erosivo persistir durante tempo suficiente e sem interrupção. Chegada a este estádio de evolução, a região pode ser bruscamente elevada ou enrugada, por ocorrer uma descida do nível do mar ou uma alteração climática que devolvam o poder erosivo dos rios. Inicia-se nova erosão e o relevo renova-se.
Designa-se também por ciclo de erosão normal a sequência de alterações numa paisagem, desde que se inicia a sua erosão por águas correntes, ondas, correntes marítimas ou glaciares, até à sua redução ao nível de base de erosão, que limita a ação dos agentes erosivos.
Como referenciar: ciclo de erosão normal in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2017. [consult. 2017-10-19 11:55:24]. Disponível na Internet: