Clemente II

Papa natural da Saxónia, depois do bispo Adalberto de Hamburgo-Bremen ter recusado o convite que lhe foi feito para a sucessão de Bento IX/Gregório VI, foi então designado pelo imperador o bispo germânico Suidger de Bamberg (Baviera), que assim tomou o nome de Clemente II.
Além do título de bispo de Bamberg que possuía, tinha também o de conde de Morsleben e Hornburg. No dia 25 de dezembro de 1046 este papa coroou imperador o rei Henrique III.
O imperador e o papa encabeçaram um sínodo realizado em Roma, em janeiro de 1047, onde se retomou a linha fortemente reformadora dos costumes e moral eclesiásticos, manifestando contudo alguns bispos o desagrado perante a superioridade que o imperador tinha sobre o papa.
Após uma vida exemplar, dedicada à remodelação da Igreja (incentivando para isso a brilhante ação de Cluny), faleceu na abadia de São Tomás (Pesaro) e foi sepultado em Bamberg. O seu papado ocorreu de 24 de dezembro de 1046 a 9 de outubro de 1047.
Como referenciar: Clemente II in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-12-07 04:19:40]. Disponível na Internet: