cobertura

Uma cobertura consiste na superfície exterior superior de uma construção que evita a penetração da chuva e neve no seu interior.
As coberturas podem ser classificadas atendendo ao material de que são constituídas. Assim, as coberturas moles podem ser formadas por tábuas, arbustos, palha ou caniço (hoje em dia utilizam-se unicamente em construções tais como cabanas e refúgios, encontrando-se a sua utilização restringida pelas normas de prevenção de incêndios). As coberturas duras são construídas com matérias como a piçarra, telhas (de cerâmica cozida), lousas de pedra, placas (por exemplo de fibrocimento, metal, zinco, cobre, chumbo) e cartão asfaltado.
As coberturas podem ainda ser classificadas quanto ao ângulo que a vertente da cobertura forma com a horizontal, ângulo este denominado de pendente da cobertura.
Deste modo, uma cobertura plana é aquela em que a pendente da cobertura está compreendida entre 3 e 7 graus, uma cobertura inclinada entre 8 e 35 graus e fortemente inclinada, com uma pendente superior aos 35 graus.
Como referenciar: cobertura in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-10-21 08:46:17]. Disponível na Internet: