Colóquio

Prestigiada publicação cultural editada pela Fundação Calouste Gulbenkian desde 1959, com a finalidade de se firmar como revista de primeiro plano na cultura de língua portuguesa.
A partir de 1971 foi transformada em duas revistas autónomas, a Colóquio/Letras (dedicada à literatura, contendo não apenas artigos de crítica e teoria literária, como textos originais de reconhecidos autores da literatura lusófona) e a Colóquio/Artes (centrada nas artes plásticas).
Desde o início, dedicou-se tanto à criação como ao ensaísmo, sem limites de escola ou corrente e com grande participação de universitários.
Destacando-se pelo prestígio dos nomes que assumiram a sua direção (como Hernâni Cidade, Jacinto do Prado Coelho e David Mourão-Ferreira) e integraram o seu corpo de colaboradores (como José-Augusto França, João de Freitas Branco, José Esteves Sasportes, Agostinho da Silva e António José Saraiva), assumiu, em alguns dos seus números especiais, a responsabilidade de homenagear com a maior dignidade possível autores e obras-primas da cultura portuguesa.
Como referenciar: Colóquio in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-12-12 03:58:52]. Disponível na Internet: