Cortes de Santarém

Por diversas vezes se reuniram Cortes em Santarém. As primeiras realizaram-se em 1273 e inserem-se na luta sustentada entre D. Afonso III e o clero. Em 1331 voltaram a reunir-se nesta cidade, agora com a presença de procuradores de todos os concelhos do reino. Em 1334 reuniram-se para tratar do casamento do infante D. Pedro com D. Constança Manuel. Em 1340, as razões que motivaram a reunião foram a necessidade de se restringirem gastos excessivos em vestuário, alimentação e artigos de luxo. Em 1373, D. Fernando assinou nas Cortes um tratado de paz com Castela. As Cortes tiveram ainda lugar em Santarém noutras ocasiões, para tratar de dotes e despesas com casamentos reais, bem como pedidos de empréstimos para suportar despesas do reino.
Como referenciar: Cortes de Santarém in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2018. [consult. 2018-12-10 22:22:45]. Disponível na Internet: