Costinha (ator)

Ator português, Augusto Costa, mais conhecido por Costinha, tem, como nome completo, Ernestino Augusto Costa. Nasceu a 24 de fevereiro de 1891, em Santarém, e faleceu a 24 de janeiro de 1979. Iniciou-se na Sétima Arte em 1930 com o filme Lisboa, Crónica Anedótica (1930) e participou em algumas das melhores joias do cinema português, como é o caso de A Severa (1931), As Pupilas do Senhor Reitor (1935), O Trevo de Quatro Folhas (1936), A Rosa do Adro (1938), Varanda dos Rouxinóis (1939), João Ratão (1940), Lobos da Serra (1942), Cais do Sodré (1946), Camões (1946), Um Homem do Ribatejo (1946), Vizinhos de Rés do Chão (1947), Uma Vida Para Dois (1948), Sol e Toiros (1949), A Morgadinha dos Canaviais (1949), Cantiga da Rua, Madragoa (1952), Rosa de Alfama (1953), O Costa d'África (1954), O Noivo das Caldas (1956), Perdeu-se um Marido (1957), Dois Dias no Paraíso (1957), O Homem do Dia (1958) e a Costureirinha da Sé (1959). Foi também uma das primeiras figuras do teatro de revista, tendo protagonizado sucessos populares como Abril em Portugal (1956), ao lado de Elvira Velez e Raul Solnado, e Não Faças Ondas (1956), com João Villaret e Milú.
Como referenciar: Costinha (ator) in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-05-24 18:36:59]. Disponível na Internet: