Cracóvia

Cidade da Polónia. Situada nas margens do rio Vístula, possui 776 400 habitantes (2004) e uma aglomeração urbana de 778 800 habitantes (2004). Cracóvia foi a capital da Polónia do século XIV ao século XVI e a sua universidade é a mais antiga do país, pois data de 1364. Aqui estudou, entre 1491 e 1494, o famoso astrónomo polaco Nicolau Copérnico (1473-1543), cujas teorias formam a base da astronomia moderna.
Todos os anos, em junho, realizam-se o Festival Internacional da Curta-Metragem e o do Filme Polaco, conjuntamente com uma feira de arte popular e uma exposição internacional de artes gráficas.
É um grande centro de produção industrial.
Na parte velha da cidade, na praça central, destacam-se a torre da Câmara Municipal (séc. XIV), a Igreja da Virgem Maria e a Casa dos Panos (séc. XVI). A Catedral (sécs. XIII-XIV), o Castelo Real de Wawel, o Museu de Arqueologia, o Museu de História Natural, o Museu Nacional, o Museu de História de Cracóvia e o Museu de Etnografia são também referências históricas e culturais da cidade. O centro histórico foi classificado Património Cultural da Humanidade pela UNESCO em 1978.
Como referenciar: Cracóvia in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-08-21 09:11:39]. Disponível na Internet: