D. Maria de Alencastre

Drama histórico em três atos, de Mendes Leal, representado pela primeira vez em 1843 e publicado em 1846, premiado pelo Conservatório Real, cuja ação se desenrola em Lisboa, em 1662, centrando-se nos amores atribulados entre D. Maria de Portugal e Afonso Anes, mercador, que virá a revelar a sua verdadeira identidade como D. João de Alencastre. O carácter fortemente sentimental da obra está patente nos títulos das três partes: "Fortuna ou patíbulo", "Carta por carta", "Pecado e justiça".
Como referenciar: Porto Editora – D. Maria de Alencastre na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-07-29 09:17:12]. Disponível em