D. Sisnando

Drama histórico em verso de Serpa Pimentel, publicado em 1838, que narra a história de D. Sisnando, conde de Coimbra. A obra viria a ser elogiada pelo crítico da segunda geração romântica Lopes de Mendonça, que a considerou superior ao poema Os Ciúmes do Bardo, de Castilho.
Como referenciar: D. Sisnando in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-07-05 21:24:20]. Disponível na Internet: