Dallas

A cidade de Dallas situa-se numa extensa área de planalto, nas margens do rio Trinity.
Desde o início do século XVIII que os Franceses visitavam regularmente este território para estabelecerem trocas com o povo nativo Anadrako; contudo, Dallas só foi fundada em 1841 por John Neely Bryan. Nesta altura, foi povoada por muitos operários franceses e senhores que abandonaram uma comunidade próxima, designada de La Réunion.
Em 1846, a cidade de Dallas passou a ter a sua atual designação, em homenagem a George Dallas, que foi um importante presidente do país. O desenvolvimento desta cidade, principalmente ao longo da segunda metade do século XIX, esteve muito ligado ao mercado do algodão, tornando-se esta um centro de armazéns retalhistas. Nos anos 30 do século XX desenvolveu-se a indústria petrolífera e nos anos 40 teve grande importância a produção de meios de transporte, nomeadamente aéreos.
Foi na cidade de Dallas que, a 22 de novembro de 1963, se deu o assassinato do então presidente dos EUA, John Kennedy.
O crescimento da área metropolitana deu-se, essencialmente, a partir dos anos 80, evidenciado pela construção de escritórios que mudaram a imagem da cidade, pela expansão e pelo desenvolvimento urbano para norte de Dallas e pelo estabelecimento, na área mais a sul, de várias universidades, como: a Southern Methodist University, que é um departamento da Universidade do Texas, a University of Texas Southwestern Medical Centre (Universidade de Medicina do Sudoeste do Texas), a University Baylor College of Dentistry (Colégio de Cirurgia Dental) e o Seminário de Teologia.
A cidade de Dallas é considerada um centro comercial, industrial e financeiro bem dotado a nível de transportes, situando-se na sua área o aeroporto internacional de Dallas-Forth Worth.
No setor industrial, destacam-se o equipamento aeroespacial e o eletrónico, os cosméticos, os têxteis, os químicos e os equipamentos de transporte.
A nível cultural, além de ser conhecida pela localização de várias universidades, Dallas é também célebre pelos seus museus e pela oferta de espaços de teatro, música e literatura. Destacam-se o Centro de Teatro de Dallas, que foi o único teatro público desenhado por Frank Lloyd Wright; o Museu de Arte de Dallas, de 1984; o Museu de História Natural e o Centro de Sinfonia Morton Mergerson, instituído em 1989.
Como referenciar: Dallas in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-07-23 23:31:21]. Disponível na Internet: