econometria

No seu sentido etimológico, econometria significa medida da economia. É uma disciplina da economia que se ocupa da análise quantitativa dos fenómenos económicos e da sua verificação empírica. Para tal, socorre-se de conceitos matemáticos, de teoria económica e estatísticos.
A econometria parte de proposições ou hipóteses da teoria económica (que são qualitativas) e tenta validá-las empiricamente. Tem, pois, como objetivo último verificar empiricamente os modelos teóricos.
Por exemplo, se o rendimento (variável explicativa) de um consumidor aumentar, é de esperar que ele aumente o seu consumo (variável a explicar) de um dado bem. Isto é o que nos diz a teoria económica. No entanto, ela não nos diz em que medida o consumo será aumentado. Isto é, ela não mede numericamente esse aumento. Só uma análise econométrica pode fornecer estimativas numéricas (referentes a uma dada amostra) dessa relação. O método econométrico comporta várias fases:
- fase da identificação (das grandezas cujo comportamento se pretende explicar, das variáveis explicativas e das relações entre as grandezas);
- fase da estimação (obtenção de uma amostra, identificação do método de estimação e obtenção de estimativas);
- fase da avaliação (análise dos resultados obtidos);
- fase da utilização do modelo.
Como referenciar: econometria in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-08-25 01:11:56]. Disponível na Internet: