Eminem

Músico rap norte-americano nascido a 17 de outubro de 1972, em Saint Joseph, Kansas City. De nome verdadeiro Marshall Bruce Mathers III, desde cedo encontrou no rap o refúgio para uma infância problemática. É uma das figuras mais enigmáticas da música, profundamente abalado pelos problemas pessoais, alegadamente homofóbico e misógino, mas talentoso. Venceu os seus detratores, vendendo milhões de discos e assegurando um lugar num estilo musical maioritariamente dominado pelos afro-americanos. Nascido no estado de Missouri, mudou-se, aos 12 anos de idade, para Detroit, Michigan. No início dos anos 90, já fazia a abertura de espetáculos de outros músicos da cena hip-hop e em 1995 editou o seu primeiro single, sendo convidado por outro rapper (Proof) a integrar os D12, um sexteto. Este grupo tornar-se-ia a sua família no hip-hop, mesmo depois de alcançar o estrelato mundial.
No ano seguinte, gravou o álbum de estreia Infinite, não conseguindo, no entanto, grande destaque. Por esta altura, o cantor enfrentava diversos conflitos pessoais, nomeadamente com a namorada devido à custódia da filha de ambos, que o levaram a voltar a viver com a mãe.
A criação de um alter-ego, o Slim Shady, foi o passo seguinte. Usando essa imagem, auto-produziu um EP, The Slim Shady EP. Este seria o seu bilhete para a fama. O registo chegou ao conhecimento do rapper Dr. Dre, que ficou impressionado com as letras de Eminem e concordou em produzir o seu álbum Slim Shady LP (1999). O single "My Name Is" revolucionou o rap, contribuindo para a tripla platina conseguida pelo disco. Os críticos não negavam o seu talento, apesar do mau gosto dos seus temas, como, por exemplo, a faixa "Kim", que refletia o seu desejo de assassinar a mulher. O disco valeu-lhe os prémios Grammy na categoria de Melhor Performance a solo de rap, por "My name is", e o de Melhor Álbum Rap do ano.
O verão de 2000 foi tumultuoso. Eminem lançou The Marshall Mathers LP que vendeu quase dois milhões de cópias na primeira semana e foi nomeado para vários Grammy. Na edição europeia dos prémios MTV, Eminem foi uma das figuras da noite, ao arrecadar os galardões para Melhor Álbum do Ano e Melhor Artista Hip-Hop. Nesse ano, esteve envolvido numa rixa, num bar, alegadamente por um estranho ter beijado a mulher, situação que supostamente terá determinado o processo de divórcio. Com o aproximar da entrega dos Grammy, multiplicaram-se as manifestações hostis a Eminem, por parte da comunidade gay e lésbica. Para arrefecer os ânimos, Eminem acedeu a interpretar o tema "Stan" com Elton John, em substituição de Dido.
No ano seguinte, foi condenado a dois anos de prisão, ficando em liberdade condicional. Reconciliou-se com Kim, mas uns meses mais tarde voltaram a separar-se.
Em 2002, editou The Eminem Show, visto pela crítica como um registo menos agressivo, apesar das referências agrestes aos Limp Bizkit e Moby. Estreou-se no grande ecrã com o filme 8 mile (2003), de Curtis Hanson, tendo colaborado também na sua banda sonora. O tema "Lose Yourself" foi o grande êxito desse ano. O álbum acabaria por ganhar o Grammy de Melhor Álbum Rap e "Lose Yourself" o Óscar de Melhor Canção. Em setembro de 2004, foi editado "Just Lose It", o single que promoveu o novo trabalho denominado Encore.
Como referenciar: Porto Editora – Eminem na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-01-24 06:26:44]. Disponível em