enigmas

Ao longo da História da Humanidade deram-se diversos acontecimentos e criaram-se mitos que não ficaram corretamente documentados ou esclarecidos tanto na altura como para épocas posteriores. Estes acontecimentos transformaram-se em enigmas que se agravaram com a passagem do tempo, porque se foram criando variações devido à distância dos locais e épocas dos acontecimentos. Muitos dos enigmas são invenções, que devem ser entendidos não no sentido literal mas como produtos sociais e culturais, com significados simbólicos.
Um dos mais famosos enigmas da História é o da Esfinge, que pertence à mitologia da Antiga Grécia. Este ser fantástico, com corpo de leão, asas e cabeça de mulher colocava o enigma de "Que criatura caminha com quatro pés de manhã, dois à tarde e três à noite?" a todos os passantes, tendo apenas o que seria o rei Édipo conseguido responder. O animal lendário é associado à esfinge de Guiza que, apesar de se acreditar que representa o rei Khufu, continua a ser uma obra revestida de mistério porque pouco se conhece sobre a razão da sua existência. Um outro enigma que data da Antiguidade é o da Atlântida, ilha ou continente que se estenderia do Brasil à Gronelândia, que terá sido submerso e do qual falam Sólon e Platão (note-se que este último autor fala da Atlântida ligando-a à utopia). Conta-se que dos três abalos sucessivos, os quais provocaram o surgimento de três civilizações, restou apenas o que são os Açores. Uma outra hipótese colocada é a da referida Atlântida ter sido a ilha de Tera (mar Egeu). Não existe qualquer prova material que sustente a existência deste continente ou ilha.
Um dos mais célebres e controversos enigmas é baseado na religião cristã: o do Santo Graal. Acreditando-se que este foi o vaso pelo qual Jesus bebeu na Última Ceia e onde José de Arimateia recolheu o sangue da ferida do lado de Cristo (apesar de lhe terem sido dadas outras formas, como a de pedra – esmeralda –, por exemplo), tornou-se um ex-libris da cidade de Valência (Espanha) por se encontrar entre os tesouros da sua catedral. Deve sublinhar-se que a Igreja Católica apenas lhe confere valor simbólico. Este é um dos enigmas mais tratados na História desde tempos recuados, sendo um dos temas favoritos da literatura da Idade Média (Chrétien de Troyes, romances arturianos) e bastante recorrente na dos séculos XX e XXI, além de que o aparecimento do cinema permitiu criar um sem número de obras relacionadas com o tema (entre os quais "Indiana Jones e a Última Cruzada", 1989).
Ainda como um dos mais conhecidos enigmas aparece o chamado triângulo das Bermudas, surgido por ser acreditar que neste espaço desapareceram algumas embarcações e aviões sem razões aparentes, o que deu azo à criação de um sem número de teorias.
Como referenciar: enigmas in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-07-16 15:02:02]. Disponível na Internet: