epitáfio

Inscrição tumular em verso. Por vezes, os poetas redigiam também pequenos poemas, frequentemente de humor negro, embora nunca fossem escritos senão nos seus livros.
Na coletânea portuguesa Epitaphia ioco-seria (1623) existem vinte e cinco escritos quase sempre em redondilha. Bocage compôs alguns cómicos e outros sérios em várias formas. Fialho de Almeida, nos Gatos, juntou e comentou algumas destas inscrições recolhidas no cemitério dos Prazeres.
Como referenciar: Porto Editora – epitáfio na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-10-26 05:42:09]. Disponível em