escala de Richter

A escala de Richter serve para avaliar a magnitude de um sismo. Foi estabelecida pelo sismólogo norte-americano Charles Francis Richter (1900-1985) em 1935.
A escala de Richter está compreendida entre 1 e 9 graus e é uma forma precisa para medir a intensidade de um terramoto, calculada a partir da amplitude das ondas sísmicas observadas a uma distância conhecida a partir do epicentro. Esta escala indica-nos o máximo de energia libertada por um terramoto.
Na escala de Richter, um sismo superficial ( por exemplo 10 a 30 km) de magnitude menor do que 3 sente-se na zona próxima do epicentro. Entre 4 e 5, sente-se e produz quedas de objetos e pequenos danos. A partir da magnitude entre 5 e 6, os prejuízos são apreciáveis, aumentando rapidamente para os grandes sismos destruidores de magnitude 7 e 8. Raramente os terramotos excedem a intensidade de 8 na escala de Richter.
Como referenciar: escala de Richter in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-08-18 01:41:47]. Disponível na Internet: