estrofe

A estrofe, enquanto divisão do poema, é um conjunto constituído por um número limitado de versos com uma disposição fixa de rimas e metros, repetida ao longo do poema. Alguns esquemas estróficos, pela sua recorrência, tornaram-se tradicionais, como, por exemplo, o terceto, a quadra, etc. Na lírica galego-portuguesa, a estrofe (cobla) obedecia a processos particulares de ligação interestrófica: o uso da "atá-fiinda"; o uso de "coblas capdenals", isto é, vários versos com o mesmo início; a utilização de reiterações lexicais através do dobre e do mordobre; o emprego de "coblas capcaudadas", pelo qual o fim de uma estrofe é repetido no início da estrofe seguinte; ou o encadeamento das estrofes por um processo de paralelismo.
Como referenciar: estrofe in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-12-13 11:18:26]. Disponível na Internet: