Eurico da Fonseca

Investigador português, Eurico Sidónio Gouveia Xavier Lopes da Fonseca nasceu a 1 de março de 1921, em Almada, e morreu a 4 de dezembro de 2000. Licenciou-se, em 1939, em Engenharia Mecânica e Tecnologia de Automóveis, na Escola Industrial Marquês de Pombal, mas os seus interesses estenderam-se a outras áreas como Astronáutica, Informática e Energias Renováveis.
Foi nomeado responsável pelo Centro de Estudos Astronáuticos, em 1958, e tornou-se delegado oficial de Portugal aos congressos promovidos pela Federação Internacional de Astronáutica, onde apresentou vários projetos da sua autoria. Convidado pelo governo norte-americano a participar no Spaceflight Report to the Nation, visitou, nessa altura, as instalações da NASA, tornando-se, assim, na primeira pessoa não norte-americana a fazê-lo.Foi autor do vocabulário oficial de Astronáutica em português - elaborado em colaboração com a Academia de Ciências de Lisboa, o Centro de Estudos Filológicos do Instituto para a Alta Cultura, a Federação Internacional de Astronáutica e a Sociedade Interplanetária Brasileira - e, durante cerca de 22 anos, foi investigador do Centro de Estudos Especiais da Armada.
Ficou conhecido do grande público graças às suas participações em programas televisivos, como, por exemplo, 5.ª Dimensão e Ponto por Ponto; na rádio, foi o comentador que acompanhou em direto a descida do primeiro homem na Lua; foi responsável pelo suplemento História do Automóvel e pela secção Computadores no jornal A Capital; e foi o autor da série de ficção científica emitida nos anos 80, O Segredo de Marte. Editou ainda alguns livros, dos quais se destacam História Breve da Astronáutica (1960), A Conquista do Espaço (1962), Energias Renováveis (1983) e O Terceiro Milénio (1999).
Como referenciar: Eurico da Fonseca in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-09-26 23:19:36]. Disponível na Internet: