Fala com Ela

Melodrama espanhol escrito e realizado em 2002 por Pedro Almodóvar, intitulado originalmente Hable Con Ella, com as interpretações de Javier Cámara, Dario Grandinetti, Rosario Flores, Leonor Watling, Adolfo Fernandez e Geraldine Chaplin.
História íntima e romântica, Fala Com Ela abre com um espetáculo de dança concebido por Pina Bausch (Café Muller). Entre os espectadores, está Marco (Dario Grandinetti), um jornalista que se emociona com o espetáculo, e Benigno (Javier Cámara), um enfermeiro que o observa com cumplicidade. Meses depois, os dois vão-se encontrar numa clínica onde trabalha Benigno. Lydia (Rosario Flores) é uma toureira que namora com Marco e é colhida numa tourada ficando gravemente ferida, sendo internada na referida clínica onde Benigno cuida de uma mulher em coma de quem é apaixonado - a bailarina Alicia (Leonor Watling). A partir daí densifica-se a relação entre os quatro, os dois homens e as duas mulheres em coma, através do nascimento de uma intensa amizade entre os dois homens a partir da estranha situação que os une. Benigno é feliz a cuidar de Alicia, julgando ser correspondido no seu amor e falando com ela durante todo o tempo. Marco, mais cético, vê inicialmente Benigno como sendo um pouco demente, mas aos poucos vai compreender melhor o seu íntimo. A tragédia aproxima-se, mas a narrativa está impregnada de humor e desemboca em esperança. O filme termina novamente com um número de Pina Bausch, desta vez a Masurca de Fogo.
Magnífica história sobre a amizade, a solidão, a doença e a comunicação entre os seres, Fala Com Ela representa a confirmação de Almodóvar como um cineasta de rara sensibilidade e enorme inventividade ao retratar situações tão aparentemente bizarras como profundamente humanas. Isso traduz-se num equilíbrio formal admirável entre a profundidade do drama e as frequentes pontuações cómico-poéticas. A título de exemplo, destaca-se o belíssimo e hilariante trecho mudo e a preto-e-branco - "O Amante Minguante" (interpretado por Fele Martínez e Paz Vega) - que o realizador inclui na narrativa para evocar o gosto que a personagem de Alicia tinha por esse género de filmes. No meio da belíssima banda sonora da autoria de Alberto Iglesias, destaca-se a participação ao vivo de Caetano Veloso a cantar "Cucurrucucú Paloma".
Largamente premiado, o filme venceria o Óscar para o Melhor Argumento Original, tendo obtido também a nomeação para Melhor Realizador. Venceu ainda o Globo de Ouro e o César para o Melhor Filme Estrangeiro.
Como referenciar: Fala com Ela in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-06-24 14:47:21]. Disponível na Internet: