Fausto de Figueiredo

Industrial português, Fausto de Figueiredo nasceu a 17 de setembro de 1880, em Baraçal, freguesia do concelho de Celorico da Beira. Concluíu o curso de Farmácia em Lisboa e aí exerceu durante algum tempo, a profissão de farmacêutico. No entanto, cedo compreendeu não ser esta a sua verdadeira vocação.
A sua apetência pelas viagens levou-o a percorrer o mundo. Após longas viagens pelo estrangeiro, onde Fausto de Figueiredo adquiriu uma vasta gama de conhecimentos vitais sobre turismo, tomou uma decisão que iria alterar radicalmente a sua vida dedicando-se à atividade turística.
O empresário transformou o Estoril (área de elevadas potencialidades geográficas e climatéricas, mas que na altura - primeira década do século XX - estava totalmente desaproveitada) numa estância de turismo de reputação mundial. Para tal, Fausto de Figueiredo constituiu a Sociedade Estoril, que transformou a costa do Estoril na primeira zona turística internacional a surgir em território português. A Sociedade Estoril abarcava todo um complexo vocacionado para o turismo e lazer. Compreendia um hotel, um casino, restaurantes etc., atraindo a Portugal, no período entre a Primeira e a Segunda Guerra Mundiais, ilustres visitantes, como o Príncipe de Gales e Wallis Simpson.
Fausto de Figueiredo, dado o seu comprovado talento e dinamismo nos empreendimentos realizados, integrou, já sob a governação do Estado Novo, como administrador, os quadros da CP - Companhia dos Caminhos de Ferro Portugueses e foi ainda presidente da Cibra - Companhia de Cimentos Portugueses.
Morreu em Lisboa a 5 de abril de 1950.
Como referenciar: Fausto de Figueiredo in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-07-15 18:34:14]. Disponível na Internet: