fitopatologia

O termo fitopatologia, etimologicamente idêntico a patologia vegetal, denomina a ciência que estuda os danos e alterações do funcionamento normal das plantas, qualquer que seja a sua origem, animal, vegetal, parasitário ou não, infecioso ou não. As alterações podem ser provocadas por insetos ou outros animais, fungos, bactérias, vírus, assim como plantas parasitas, fatores climáticos, etc.
Na prática, considerando a Fitopatologia no seu sentido restrito, os prejuízos provocados por insetos e outros animais, geralmente designados por pragas, estudam-se na Zoologia ou Entomologia agrícola, enquanto os restantes, denominadas doenças, são principalmente tratados pela Fitopatologia.
O desenvolvimento de culturas vegetais intensivas está ligado a uma série de problemas que os homens têm de vencer para poder estabelecer essas culturas em zonas favoráveis.
Entre esses problemas têm que ser considerados os prejuízos produzidos por insetos, ácaros e doenças, assim como ervas daninhas. O cientista Raux escreveu: "Os lavradores limitam-se a colher o que os parasitas deixam". Esta frase dá ideia dos problemas que são responsáveis por cerca de cinquenta por cento das perdas alimentares nos países em desenvolvimento.
Como referenciar: fitopatologia in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-10-23 21:51:58]. Disponível na Internet: