fórmula química

Uma fórmula química consiste numa representação gráfica de uma espécie química por meio de símbolos dos elementos, algarismos que indicam o número de vezes que cada elemento se repete, traços que indicam as ligações e outros sinais auxiliares que ampliam a informação ou abreviam a escrita. A fórmula empírica é a mais simples, pois exprime a relação correta entre os elementos por meio do conjunto de menores números inteiros. Uma mesma fórmula empírica pode corresponder assim a substâncias muito diferentes, por exemplo a fórmula CH2O é válida para o ácido acético, o formaldeído e todos os hidratos de carbono.
A fórmula molecular, que é igual à fórmula empírica ou a um múltiplo desta, indica o número exato de átomos que constituem a molécula. Contudo, não permite distinguir entre isómeros estruturais. A fórmula plana esclarece acerca do tipo de ligações entre os diferentes átomos da molécula. Este tipo de fórmulas distingue entre isómeros estruturais, funcionais ou posicionais, mas não entre estereoisómeros geométricos ou óticos. A fórmula estrutural indica a forma como os átomos se encontram dispostos.
Como referenciar: fórmula química in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2021. [consult. 2021-04-22 15:26:05]. Disponível na Internet: