fotografia aérea

Fotografia aérea é um termo muito abrangente. Uma fotografia tirada de cima de uma árvore ou uma tirada a partir de um satélite pode ser uma vista aérea. Um ponto de vista mais alto de um objeto pode mostrar detalhes impossíveis de serem observados do chão.
Em 1855, o francês Nadar patenteou a ideia de utilizar a fotografia aérea na cartografia. No entanto, só três anos depois, e a partir de um balão em Paris, é que conseguiria realizar a primeira fotografia aérea de sempre.
A fotografia aérea foi muito utilizada durante a Grande Guerra Mundial, a maior parte das vezes para reconhecimento do território e como instrumento de guia para a artilharia. Nos anos 20, as fotografias de grande altitude começaram a fazer parte do portfólio dos fotógrafos.
O próximo passo importante no campo da fotografia aérea foi a fotografia da Terra vista do espaço, registada durante a exploração levada a cabo por russos e norte-americanos nos anos 50. Já durante os anos 70, o crescimento das consciências ecológicas e o interesse pela natureza levou a uma nova adesão a este tipo de fotografia.
Em termos de fotografia aérea, a fotografia por satélite foi a maior inovação. Atualmente é utilizada para diversos fins, desde militares a cartográficos. Quando as condições meteorológicas são propícias, conseguem-se imagens de grande definição com uma grande aproximação, ao ponto de se poderem distinguir as ruas de uma parte de uma cidade ou até o tipo de armamento que o "inimigo" poderá estar a usar num determinado ponto.
Como referenciar: fotografia aérea in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-07-19 20:08:26]. Disponível na Internet: