Frances Hodgson Burnett

Escritora inglesa, Frances Eliza Hodgson nasceu a 24 de novembro de 1849, em Cheetham Hill, nas cercanias da cidade de Manchester. O pai faleceu quando Frances contava apenas três anos de idade. Acompanhou a restante família na sua emigração, ocorrida em 1865, para os Estados Unidos. Estabelecida em New Market, nas proximidades de Knoxville, no estado do Tennesse, a família viu gorada a promessa de apoio material pronunciada por um tio materno, pelo que passou a depender dos ganhos dos dois irmãos de Frances.
Começaram por viver numa cabana de madeira, e Frances, então com dezasseis anos de idade, teve a ideia de aí montar uma escola. Os seus oito alunos pagavam-lhe em géneros alimentícios. Aos dezoito anos passou uma temporada a fazer vindimas, com o intuito de juntar a quantia necessária para poder comprar o papel e os selos necessários ao envio de um conto à redação de uma publicação feminina, que o aceitou.
Continuou então a escrever, aparecendo com uma certa regularidade em revistas conceituadas. Em 1873, e após uma visita a Inglaterra que durou um ano, Frances casou com um médico norte-americano.
Em 1877 publicou o seu primeiro livro, o romance That Lass o'Lowrie's, que havia aparecido previamente em episódios numa revista literária. Descrevendo com precisão realista a vida da classe operária inglesa, Frances Hodgson Burnett estabelecia uma trama repleta de trejeitos românticos quase inverosímeis.
Pouco tempo depois mudou-se com o marido para a cidade de Washington, onde prosseguiu a sua carreira literária, publicando obras como Haworth's (1879), Louisiana (1880), A Fair Barbarian (1881) e Through One Administration (1883).
Em 1886 publicou o seu romance mais conhecido, Little Lord Fauntleroy que, primeiramente vocacionado para o público infantil, acabou por fazer as delícias de muitas mães, pelo modelo filial que apresentava. Permanecendo no entanto no âmbito da literatura infantil, Burnett foi produzindo mais obras, das quais se destacam The Little Princess (1905) e The Secret Garden (1909).
Tendo-se divorciado em 1898, Frances Hodgson Burnett passou a repartir o seu tempo entre a Inglaterra e os Estados Unidos, onde veio a falecer a 29 de outubro de 1924.
Como referenciar: Porto Editora – Frances Hodgson Burnett na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-08-04 16:14:38]. Disponível em