François Mitterrand

Líder político francês, nasceu em 1916, em Jarnac, e morreu em 1996, em Paris. Em 1981, tornou-se o primeiro socialista Presidente da República desde a fundação da Quinta República francesa em 1958. Ocupou o cargo durante catorze anos.
Estudou Direito e Ciência Política em Paris e durante a Segunda Guerra Mundial alistou-se na Infantaria. Em junho de 1940 foi ferido e capturado pelos alemães. Depois de escapar da prisão, juntou-se à resistência. Segundo descobertas recentes dos investigadores, porém, terá servido o regime colaboracionista do marechal Pétain, mas esta é uma fase da sua vida pessoal e política que se encontra ainda insuficientemente estudada.
A partir de 1947, Mitterrand passou a fazer parte da coligação governamental de Paul Ramadier, tendo sido eleito para a Assembleia Nacional. Durante doze anos ocupou cargos governamentais em nada menos que onze Governos de curta duração da Quarta República. Originalmente centrista, Mitterrand foi evoluindo para as ideias políticas de esquerda. Em 1958 manifestou a sua oposição a Charles de Gaulle, oposição que concretizaria em 1965 com uma candidatura presidencial. Foi, no entanto, derrotado por de Gaulle nas eleições. Em 1971 foi eleito secretário-geral do Partido Socialista Francês. Mesmo com a posição assim alcançada, voltou a sofrer nova derrota nas urnas em 1974. A sua estratégia de unir a esquerda não teve acolhimento junto do eleitorado. Só em 1981, e já separado dos comunistas, conseguiu vencer as eleições, derrotando Valéry Giscard d'Estaing. Foi eleito para novo mandato em 1988.
Como presidente da República, Mitterrand levou a cabo um programa de nacionalização das instituições financeiras como suporte para o crescimento industrial. Os salários tiveram poucos aumentos mas a população usufruiu de maiores benefícios sociais. As suas políticas económicas causaram o aumento da inflação. Prosseguindo uma política de pragmatismo económico, foi acusado, no fim do seu primeiro mandato na Presidência, de ter abandonado as doutrinas do socialismo e de se ter convertido ao liberalismo. Entretanto, ordenava a construção de obras públicas monumentais.
No plano das relações externas, cultivou um bom relacionamento com os Estados Unidos, ao mesmo tempo que, aliando-se à Alemanha liderada por Helmut Kohl, fazia da França um dos países com maior responsabilidade política no processo de criação da União Europeia.
Como referenciar: François Mitterrand in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-10-15 07:59:53]. Disponível na Internet: